Patrick Hruby é novo CEO do Grupo Movile

São Paulo – O Grupo Movile, ecossistema de tecnologia líder na América Latina, anuncia Patrick Hruby como novo CEO. Fabricio Bloisi, co-fundador e CEO até então, torna-se presidente do conselho e irá atuar próximo de Hruby e do time de gestão, enquanto mantém a posição de CEO do iFood.

Hruby assume o principal cargo de liderança na organização após passar cinco meses como executive in residence no Grupo, período em que pode se aprofundar na operação de todas as empresas – iFood, Wavy, PlayKids, Sympla, Zoop e MovilePay.

o executivo tem mais de 20 anos de experiência em empresas como Deloitte e ExxonMobil, além de Google e Facebook. Formado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, possui MBA em Finanças em Yale.

Grupo Tigre anuncia novos membros no Conselho de Administração

O Grupo Tigre, multinacional brasileira presente em 30 países e líder em soluções para construção civil e cuidado com a água, anuncia mudanças em seu Conselho de Administração. Francisco Amaury Olsen, que ocupou a presidência da Tigre por 15 anos, e Walter Herbert Dissinger, CEO da WMDM Design de Ecossistemas, Consultoria e Investimentos, assumem como membros do Conselho, que tem como presidente Felipe Hansen.

Deixam o conselho Antônio Cortizas Noguerol, que continuará atuando no Comitê de Auditoria, Finanças e Riscos (CAFR) e no Conselho de Família Hansen, e Leonardo Fausto Zipf. Dessa forma, o novo colegiado será composto por Felipe Hansen, Décio da Silva, Fábio Hering, Francisco Amaury Olsen e Walter Herbert Dissinger.

AstraZeneca cria novas diretorias como aposta de crescimento

A AstraZeneca, biofarmacêutica global, anuncia a chegada de dois novos executivos que comandarão suas áreas recém-divididas de produtos maduros e operações comerciais. Seguindo a estratégia de crescer por meio da inovação, a separação das áreas foi uma medida que visa permitir maior foco nas diferentes necessidades de cada área.

Para liderar o time de produtos clássicos, chega ao Brasil a venezuelana Carmen María Eduardo. Ela vem da Pfizer, na qual trabalhou desde 2009 como líder de Retail & Trade e líder de Unidade de Negócios de Marcas Estabelecidas na Indonésia, além de gerente de Portfólio de Trade e Pacientes e gerente de Produtos na Venezuela. Antes disso, passou pela Kraft Foods e pelo Instituto de Estudios Superiores de Administración IESA, ambos na Venezuela.

Na equipe de Operações Comerciais, responsável por desenvolver e implementar estratégias e processos nas áreas de vendas públicas e privadas e gerenciamento de negócios com os principais fornecedores, a empresa anuncia o retorno de Olavo Corrêa, que passou pela Novartis como diretor da Unidade de Negócio de Cardiovascular. O executivo trabalhou na AstraZeneca entre 2007 e agosto de 2019, passando pelas áreas de Inteligência de Marca, Efetividade da Força de Vendas, Marketing e Vendas. Nos últimos anos, foi gerente executivo das unidades de negócios de Cardiovascular, Renal e Metabólico e Oncologia.

Rafael Gama é promovido a diretor Comercial da Austral Seguradora

A Austral Seguradora anuncia Rafael Gama para a diretoria Comercial. Recém-criada, a área será responsável pelas atividades comerciais de todas as linhas de negócio da seguradora.

Com 15 anos de experiência no mercado de seguros, Gama é formado em Administração de Empresas pela Universidade Estácio de Sá – RJ e pós-graduado em Gestão Empresarial na Fundação Getúlio Vargas (FGV) – RJ.

Na Austral Seguradora desde 2011, o executivo é especialista em desenvolver estratégias e estudos de mercado e vai contribuir com os planos de expansão da Austral em Riscos Corporativos. O movimento acontece no ano em que a Austral Seguradora completa 10 anos de operação.

Rodrigo Fragola é o novo CEO da OGASEC

A OGASEC, que atua em tecnologias de segurança cibernética no Brasil, nomeou Rodrigo Fragola para a posição de CEO. O executivo já dirigiu a empresa em períodos anteriores e vinha participando do Conselho de Administração desde sua fundação. Na condição de CEO, Fragola substitui a Markswell Coelho, que deu início à nova fase da companhia.

Carlos Martins substitui a Paulo Canoa no comando do Gi Group no Brasil

A Gi Group, multinacional italiana de recursos humanos, anuncia mudanças de comando nos dois dos maiores mercados do grupo. Carlos Martins assume como CEO da filial brasileira, substituindo Paulo Canoa, que passará a dirigir a unidade do Reino Unido e Irlanda.

Paulista, nascido em Santo André, na Grande São Paulo, Martins é o primeiro brasileiro a comandar a companhia no Brasil. Graduado em Comércio Exterior pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul, com MBA pela Fundação Getúlio Vargas e extensão na Universidade da Califórnia em Global Business Management, o executivo tem mais de 20 anos de experiência em consultoria empresarial como Arthur Andersen e Ernst & Young, e presidiu a Korn Ferry Advisory na América do Sul.

Depois de quatro anos, Canoa deixa a direção da filial brasileira com importante legado. Durante a sua gestão, a empresa manteve forte ritmo de crescimento tanto em volume de contratações como também em receita, mesmo sob a recessão econômica do país.

Os resultados positivos dos últimos anos renderam à Gi Group Brasil prêmios internos da companhia como “Country of the Year”, destinado à filial de maior crescimento do grupo, em 2018 e 2019; “Melhores Resultados” com a unidade BPO (terceirização de mão de obra) em 2018; e “Global Award 2019”, concedido a Wyser por atingir maior crescimento em relação às demais unidades globais.

Anderson Maia assume diretoria de Negócios na Paketá Crédito

São Paulo – O executivo Anderson Maia acaba de se juntar ao time da Paketá Crédito como diretor de Negócios. Ele chega na empresa para acelerar o desenvolvimento de novos negócios e liderar a nova área de CaaS (Consignado as a Service) na fintech de crédito consignado para funcionários CLT de empresas.

O executivo teve atuação como executivo de negócios, tanto no Brasil quanto na Europa. Ocupou as posições de diretor comercial na Trax Retail, em Londres, diretor de soluções da Spring Global, na Bélgica, e antes de ingressar na Paketá, foi o country manager da empresa de tecnologia inglesa YOOBIC, no Brasil.