Busca por consultórios compartilhados dispara em SP

Agendas mais espaçadas para diminuir o contato entre pacientes, mudança nos protocolos de biossegurança com intensificação de higienização e incremento no uso de EPI’s (escudos faciais e jalecos descartáveis, pró pé, entre outros) é o novo normal em clínicas odontológicas de São Paulo. Dependendo da fase de atenção de cada cidade, somente atendimentos de urgência são permitidos. O combate ao coronavírus mudou a forma como os dentistas realizam seus atendimentos, mas mesmo assim, a classe não deixou de atender seus pacientes. Uma pesquisa feita pelo Conselho Federal de Odontologia (CFO) com 40 mil dentistas aponta que 82% dos profissionais não pararam seus atendimentos durante a pandemia.

Porém, as mudanças e adaptações necessárias colaboraram para um cenário em que o custo de se manter um consultório fixo se tornou muito alto para alguns profissionais. Conforme uma pesquisa recente divulgada pelo Programa de Pós-Graduação em Odontologia da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), a rede privada amargou uma redução de 62% dos atendimentos, enquanto na rede pública a queda chegou a 83,5%. Além do investimento em adaptações e EPIs, a queda no número de atendimentos e a consequente queda no faturamento foram decisivos para se buscar outras alternativas. A saída para muitos dentistas foi procurar por espaços compartilhados para manter os atendimentos pagando apenas pelo uso do consultório.

Um balanço do coworking médico e odontológico OPT.DOC, mostra que de julho até dezembro, o número de profissionais que atenderam na unidade saltou de 6 para 55 dentistas. A procura pelo espaço também cresceu e o levantamento mostrou que de agosto a outubro o número de contatos feitos buscando por consultórios pay per use cresceu 608% no coworking. A OPT.DOC conta com 10 consultórios odontológicos totalmente equipados e com o trabalho de uma assistente de sala incluso para atender dentistas ao custo máximo de R$150 por hora. O coworking ainda oferece outros benefícios como Central de Raio-X própria, Fresadora para confecção de próteses em até uma hora, scanners digitais que agilizam o trabalho dos profissionais, além de recepção e atendentes humanizadas.

Paraíba

Com 30 anos de consultório, o casal de dentistas Heleno e Fernanda Moraes encontraram o que precisavam no conceito de economia compartilhada: o coworking. O casal gerenciou consultório próprio por 15 anos na capital paulista e nos últimos 15 anos, em João Pessoa, na Paraíba. “Quando decidimos retornar para São Paulo, no ano passado, mesmo durante a pandemia, não sabíamos bem como faríamos. Não queríamos mais investir em um consultório próprio, justamente, pela parte de gestão que o negócio demanda. Logo, pensei no “tradicional” e que teríamos de encontrar algum outro dentista que quisesse dividir conosco o seu espaço, nos alugar uma sala em sua clínica, algo nesta linha. Eu não imaginava que existisse algo como um coworking odontológico! Que fosse possível pagar por hora o uso de um consultório tão bem equipado”, comenta Heleno Moraes.

O casal chegou de volta a São Paulo em julho e foi por um anúncio patrocinado em uma rede social que ficaram sabendo da OPT.DOC. Marcaram uma visita e ficaram satisfeitos com a possibilidade de trabalhar pagando apenas pela hora de uso do consultório e em um ambiente completamente equipado e preparado para atender os pacientes imediatamente. “Não ter de me preocupar com a gestão, apenas pensar no paciente é o melhor dos mundos para mim. Tanto que não temos intenção de abrir um consultório nosso novamente”, completa o profissional.

Autor: canalexecutivoblog

Notícias do mundo corporativo para quem decide

Uma consideração sobre “Busca por consultórios compartilhados dispara em SP”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s