Empresa especializada em genômica diversifica produtos e mercados

O Grupo Genotyping, em Botucatu, reúne duas empresas: a Genotyping Diagnósticos Genéticos, especializada em testes genéticos, e a BPI – Biotecnologia Pesquisa e Inovação, prestadora de serviços genômicos de alta tecnologia para indústrias, universidades e institutos de pesquisa. A holding é investida pelo Fundo de Inovação Paulista – formado por recursos da Desenvolve SP, Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), FAPESP, Sebrae-SP, Corporación Andina de Fomento (CAF) e da Jive Investments – e por um investidor-anjo.

As duas empresas, que têm a genômica e a inovação como denominador comum, tiveram origem na pesquisa de pós-doutorado em genética da bióloga Débora Colombi, concluído em 2006. Apoiada pela FAPESP, ela estudou a expressão da proteína mitocondrial em Saccharomyces cerevisiae, uma levedura largamente utilizada na transformação dos açúcares da cana em álcool. O estudo genético dessa levedura e suas diversas cepas, para ampliar os conhecimentos sobre a atuação da S.cerevisae no processo de fermentação, tem impacto direto na produção de bioetanol, bem como na fabricação de pães e cerveja.

“Concluído o trabalho, fui procurada por uma usina. Constatei que o processo de produção de açúcar e álcool ficaria mais eficaz se fosse utilizada outra tecnologia para o estudo genético das leveduras utilizadas nas dornas de fermentação”, conta Colombi. Em vez de usar a tecnologia de cariotipagem para identificar e analisar o perfil cromossômico das leveduras, ela propôs que se usasse a de microssatélites, marcador genético que consiste em pequenas sequências do DNA repetidas que possuem conteúdo maior de informação genética.

Para atender a essa demanda, Colombi criou a Genotyping Laboratório de Biotecnologia e, em 2011, teve aprovado projeto submetido ao Programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE). Com o apoio da FAPESP desenvolveu marcadores moleculares para diferenciar cepas de leveduras durante o processo de fermentação do álcool. “A tecnologia de microssatélites foi validada pelas usinas. Revelou-se, de fato, muito mais rápida e eficaz do que a de cariotipagem”, afirma Colombi. A solução foi um sucesso no mercado sucroalcooleiro e a empresa ganhou um investidor-anjo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s