Marca de sapatos aposta na patente dos saltos para alavancar as vendas

Exclusividade e conforto são as palavras de ordem no processo criativo da Milaa. A marca de sapatos com shapes pouco convencionais e saltos deslocados nasceu na cidade de Campo Bom, Rio Grande do Sul, com a proposta de atender uma demanda que não para de crescer: atualmente, as mulheres correspondem a 56% do consumo de calçados no país, segundo pesquisa divulgada pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados.

E não é de hoje que as mulheres mantêm uma relação de amor com os sapatos. De olho nessa fatia do mercado, a jovem designer Camila Alves, pós-graduada em Design de Calçados, enxergou uma oportunidade e tanto de empreender ao fundar, em 2014, a Milaa.

“Todos os modelos, desde sua forma até materiais e combinações de cores, são exclusivos e produzidos por artesãos qualificados, garantindo assim um número limitado de peças, além de um minucioso controle de qualidade”, explica Camila. A matéria prima é 100% brasileira e todas as etapas dos processos criativo e produtivo da marca são desenvolvidas no Brasil. “Fugir do óbvio e entender as necessidades das consumidoras fazem do meu trabalho um grande desafio, em especial porque os produtos são elaborados com muito cuidado para um público bastante exigente”, conta.

Mas o grande diferencial e DNA da Milaa são, sem dúvida, os saltos exclusivos e patenteados, que representam 95% das vendas da marca, que fechou o ano de 2016 com um faturamento de R$ 400 mil. Inspirados na arquitetura moderna brasileira, tema da primeira coleção da label, as formas dos saltos fazem referência à sinuosidade e leveza das curvas arquitetônicas valorizando ainda mais as produções do dia a dia. Ao todo são cinco tipos de saltos diferentes: Memorial, Pilotis, Pampulha, Baile e Teatro. “De toda a produção de sapatos da Milaa, 80% é confeccionado com os saltos patenteados. Hoje já somos conhecidos pelo nosso grande diferencial, os saltos”, conclui Wellington Almeida, diretor comercial e sócio-fundador da marca.

Além dos icônicos sapatos, a Milaa também apresenta bolsas que complementam o mix de produtos em cada coleção. Os preços das peças variam entre R$ 199 e R$ 699 e podem ser encontrados em diversos pontos de venda espalhados por todo o país, além da própria loja online.

Para 2017, Wellington prevê um crescimento de 45% no faturamento por conta do aumento das vendas no atacado e das exportações. A grife está de olho no mercado europeu e algumas vitrines da América do Sul, além do projeto de abrir uma loja física em uma das principais vitrines de São Paulo. “Já tivemos experiencia com exportações, muito boas por sinal, mas seguimos também com foco no fortalecimento do mercado interno.”, finaliza o diretor comercial da Milaa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s