Truckvan lança primeira sala-cofre do Brasil com certificado emitido pela UL

São Paulo – Especializada na fabricação de implementos rodoviários e unidades móveis, a Truckvan amplia a atuação para um novo mercado, agora de instalações fixas. Aproveitando sua expertise em segurança (carros-fortes e semirreboques blindados para transporte de valores), a empresa investiu cerca de R$ 3 milhões para desenvolver salas-cofre para as áreas de Tecnologia da Informação e Telecomunicações e todos os segmentos que necessitem de proteção passiva contra fogo, inundação, vandalismo e roubo. O produto é o primeiro do País com selo de conformidade emitido pela UL do Brasil, líder mundial em segurança de produtos, que avaliou que a sala-cofre da Truckvan segue as normas ABNT NBR 15.247:2004 e EN 1.047-2:2013 e atende todos os requisitos que garantem confiabilidade na proteção contra incêndio e penetração de água.

“A sala-cofre possui todas as faces com características mecânicas iguais e se diferencia por ter porta com sistema de travamento, pintura especial e a possibilidadede fixar acessórios nas paredes internas sem comprometimento do grau de proteção”,destaca João Bosco Reis, engenheiro de implementação da Truckvan. O produto é 100% nacional e pode ser financiado por bancos de fomento como o BNDES e FINAME.

Além disso, a sala-cofre foi submetida a ensaios realizados no Laboratório daTruckvan, construído conforme NBR ISO/IEC 17.025, onde foram testados a resistência ao fogo, impacto e estanqueidade à água, entre outros fatores.

“Uma das características de nosso programa é que ele não se limita à análise antes da concessão do selo de conformidade, mas conta com ensaios periódicos posteriores, além da análise de possíveis reclamações de consumidores, para avaliar se as condições descritas no projeto certificado seguem sendo executadas”, explica Vladson Athayde, responsável pelo desenvolvimento de novos negócios de Building & Life Safety Technologies – B&LST da UL do Brasil. “A área de proteção contra incêndio é uma das mais avançadas dentro da UL. Temos mais de 120 anos de experiência em desenvolvimento de normas para essa indústria e trazer uma certificação voluntária para o mercado brasileiro é uma maneira de oferecermos mais segurança para esse mercado enquanto não existem normas locais compulsórias”, completa Athayde.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s