DM9 vai abrir 30 agências digitais, diz Nizan Guanaes

A DM9 vai abrir mais de 30 agências digitais, disse Nizan Guanaes, da DM9, na abertura da conferência Branding & Performance, realizada pela IAB Brasil, no último dia 11, que analisou o “passado, presente e futuro da publicidade digital”.

O publicitário, que voltou a liderar a agência em fevereiro passado, está se posicionando a DM9 como uma agência data-driven, que utiliza dados para entender o público e chegar ao insight correto. Ele pretende contratar jovens de talento e comprometimento para promover essa transformação digital no meio publicitário. Um das 30, por exemplo, será de relações públicas digitais (PR) que batizou de Aparecida. Haverá uma outra, dedicada a causas sociais, por exemplo.

Mas ressaltou que o mais importante é a experiência do consumidor, que antes de tudo deve se basear numa estratégia publicitária, que cada vez mais é desvalorizada pelos anunciantes. “Eles consideram caro pagar um fee mensal de R$ 20 mil, que envolve o trabalho de vários profissionais, mas não existam em pagar dois posts de uma blogueira por RS 30 mil”, exemplifica.

Também criticou a concentração de poder do Google e Facebook, “apesar de serem empresas maravilhosas”, pois estão dizimando os jornais, que são instituições imprescindíveis para defender a opinião pública e pressionar os governantes. Como ele é embaixador da Unesco, disse que recomendou que a imprensa fosse declarada patrimônio imaterial pela ONU.

Mas confessou usar o Facebook para fazer suas postagens regularmente, ao mesmo tempo que ironizou as redes sociais e seus seguidores. “Um só homem, com apenas 12 seguidores, causou uma verdadeira transformação no maior império da época, Roma”, referendo-se à história de Jesus Cristo..

Também aplaudiu a entrada das grandes consultorias no mercado publicitário, como Accenture e IBM, pois considera que elas podem trazer patamares de investimentos para mais altos para o mercado publicitário, uma vez que se relacionam e fazem negócios com grandes empresas.

O assunto foi tema do painel de discussão logo após a apresentação do publicitário: A união do marketing e a tecnologia a favor de melhores resultados, com coordenação do head digital da Sky, Alexander Greif, e a participação de Veruska Cicio, da Martech; Leo Cid, da Accenture e Gustavo Carvalho, da Publi Easy.

O tema girou em torno da discussão de como os profissionais das áreas de marketing, publicidade e tecnologia podem trabalhar de forma integrada, o que não está plenamente resolvido, mas a consideração geral dos palestrantes é que a estratégia deve prevalecer independente das ferramentas que se utilizem para se levar uma boa experiência ao consumidor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s