Ex-consultor fatura R$ 70 mil/mês com venda de tapetes e capachos

O ditado “Há males que vêm para o bem” se ajusta à realidade do atual franqueado da rede de tapetes e capachos Cooper Kap, Robison Leandro da Silva, de 27 anos. De acordo com ele, quando trabalhava como consultor de vendas na área de tecnologia de outra empresa conheceu a franquia em uma visita que fez ao Grupo Kapazi – detentor da marca Cooper Kap.

“Assim que comprei uma unidade descobriram e me demitiram, isso em novembro de 2015”, comenta. Agora, a unidade dele em Jaraguá do Sul (Santa Catarina) chega a faturar R$ 70 mi/ mês.

Com um modelo de negócio que permite total flexibilidade de horário e não tem custos de instalação, pois é home based, a franquia ainda tem baixo custo inicial de R$ 7.990.

De acordo com o gestor de varejo e marketing da Cooper Kap, Francisco Tramujas, o processo de venda é simples: o franqueado leva apenas um tablet com o mostruário dos serviços, que contempla mais de 2 mil produtos, faz a compra diretamente com a indústria e vende para o cliente.

Criada em Almirante Tamandaré (Curitiba), a rede tem foco em atender a demanda de ambientes corporativos com uma gama de tapetes e capachos personalizados em diferentes materiais, além de pisos laminados, fitas antiderrapantes, grama artificial, entre outras opções, que primam pela tecnologia de ponta e permitem maior durabilidade do produto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s