Suzano Papel e Celulose realiza primeira emissão do setor em mercados emergentes com títulos de 30 anos

São Paulo – A Suzano Papel e Celulose concluiu nesta quinta-feira emissão de US$ 300 milhões em Senior Notes com vencimento em 30 anos, prazo inédito para a indústria de papel e celulose em mercados emergentes. As Notes serão emitidas com yield de 7,375% ao ano e cupom (juros) de 7,0% ao ano, os quais serão pagos semestralmente a partir de setembro de 2017. A emissão será feita por meio da subsidiária integral Suzano Austria GmbH e contará com garantia integral da Suzano Papel e Celulose S.A.

Em função da nova captação de recursos no exterior, o prazo médio da dívida da Suzano Papel e Celulose subirá dos 3,5 anos apurados no final de 2016 para 5 anos. “A operação alinha o prazo médio de vencimento das dívidas ao ciclo do nosso negócio, dado que o corte do eucalipto ocorre entre seis e sete anos após o plantio”, compara Marcelo Bacci, diretor-executivo Financeiro e de Relações com Investidores da Suzano Papel e Celulose.

Parte dos recursos captados com a operação será destinada ao pré-pagamento de dívidas de curto prazo com custos mais elevados. Os bancos JP Morgan e Santander foram global coordinators and joint bookrunners da operação. Bank of America Merrill Lynch (BofA), Bradesco BBI, Itaú BBA e Morgan Stanley foram joint bookrunners da emissão, a primeira com prazo de 30 anos feita por uma empresa brasileira desde abril de 2014.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s